Inovação e Tecnologia serão evidenciadas em mostra, cases, palestras e diálogos na ExpoMais

Pode ser em um produto ou serviço oferecido ao mercado, em um processo ou procedimento para torná-lo mais eficiente e mesmo no modelo de negócio. Pode estar relacionada a uma ideia, conceito ou nova tecnologia. A amplitude da Inovação possibilita a abordagem do tema sob diferentes óticas e faz desse eixo uns dos principais também na ExpoMais 2022.

Na sexta edição do evento, a Inovação e a Tecnologia vão permear palestras e apresentação de cases; estarão fortemente representadas na Mostra de Inovação e Tecnologia e serão o centro de um diálogo com especialistas.

A Mostra será aberta nesta terça-feira, 8, às 16 horas, com visitação gratuita nos três dias de evento. “Vai proporcionar ao público que estiver participando da ExpoMais conhecer tecnologias e inovações desenvolvidas na região, gerando novas oportunidades de negócios. O público verá que os negócios das empresas locais têm possibilidade de ser geradores de transformação e propulsores do processo de inovação na região”, considera Gustavo dos Santos De Lucca, head de Inovação da Satc, uma das expositoras.

“Será uma excelente oportunidade para reunir e conectar os stakeholders de inovação, visando a aproximação e sinergia de todo o ecossistema de inovação e empreendedorismo do Sul catarinense. Dessa forma, todos podem compartilhar saberes e experiências em prol do bem comum, além de apresentar à comunidade ações e projetos em desenvolvimento, possibilitando novas parcerias”, avalia Gisele Coelho Lopes, pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação, Inovação e Extensão da Unesc, entidade também expositora.

Referência

Para Rafael Rosso Fernandes, diretor do polo regional da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate), a ExpoMais é o evento referência da região e a iniciativa da Mostra é de extrema importância. “Dar visibilidade e exposição a empresas e instituições de ensino que desenvolvem tecnologias e processos inovadores contribui diretamente no desenvolvimento sustentável de nossa região. Aproximar e conectar as pessoas com novas tecnologias faz a ExpoMais ficar ainda maior”, entende.

“As expectativas são ótimas, o futuro da tecnologia e inovação promete a ascensão de uma série de inovações que impactam na vida das pessoas, o público vai se surpreender. Nossa região é protagonista quando se fala em tecnologia e inovação”, acrescenta Fernandes.

Trabalhos

Entre os trabalhos expostos estarão tecnologias utilizadas no tratamento e recuperação de pacientes de hospitais e escolas especiais; tecnologia de sementes, vigor e viabilidade, teste de % de germinação; tecnologia pioneira no Sul do Estado em um hospital veterinário; projetos de geração de energia fotovoltaica; experimentações práticas com realidade aumentada, virtual e mista; prototipagens na Educação; bancada didática de experimentação para Indústria 4.0.

Também haverá game com experiência imersiva; projetos de engajamento social e apoio à comunidade; soluções para o agronegócio; apresentação de startups incubadas; soluções no metaverso; entre outros trabalhos.

Diálogo

O Diálogo sobre Inovação e Tecnologia ocorrerá na quinta-feira, 10, integrando as atividades paralelas da sexta edição. Para o bate-papo, foi convidada a professora Débora Oliveira, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e Sistemas e coordenadora do Núcleo de Estudos em Digitalização, Inovação e Competitividade (Nedic) da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos.

Débora desenvolve pesquisa com ênfase em Gestão da Inovação, Gestão de Projetos, Novas Tecnologias. É autora de diversos artigos científicos e capítulos de livros na área de Gestão da Inovação e Gestão de Operações.

Também foram convidados Aldinei João Potelecki, presidente dos Conselhos Municipais de Inovação, de Desenvolvimento Municipal, de Desenvolvimento Econômico e diretor de Desenvolvimento Econômico de Criciúma, autor da Lei de Inovação em Criciúma; e Valmir Cabral, presidente do comitê de implantação do Centro de Inovação de Criciúma, o CRIO, gerente de Operações no Sesi e no Senai, na região Sul de Santa Catarina.

Andréia Limas / Deize Felisberto – Assessoria de Comunicação Expomais 2022

Compartilhe a informação