No Fast Dating da Expomais, a oportunidade de fechar negócios

Realizada na última semana, a quarta edição da Expomais trouxe muitas novidades, entre elas, a realização do Fast Dating. O momento oportunizou a startups convidadas apresentar suas soluções a representantes de empresas da região, que puderam interagir e tirar dúvidas. A apresentação foi aberta ao público geral.

“Trouxemos para esse ambiente as empresas que patrocinaram e estão sempre conosco nesse movimento e as colocamos de frente com a tecnologia da nossa região. O Fast Dating é um namoro rápido e saíram muitas ‘paqueras’”, revela o curador de conteúdo da Expomais, Timóteo Farias.

Ele lembra que existe na Região Carbonífera um movimento forte para incentivar soluções inovadoras. “Teremos o Centro de Inovação em Criciúma, e as instituições estão mobilizadas com isso. A base da inovação é a relação do ecossistema e cada um tem seu papel. Então, basicamente o que nós fizemos foi trazer a Acate (Associação Catarinense de Tecnologia), que é a referência em inovação, para falar de dados regionais”, explica.

“Dentro da apresentação do diretor da Acate, Walmoli Gerber Jr., mostrou que, com base nos dados colhidos no Estado, a nossa região é a que tem a melhor eficiência. Temos o maior faturamento e o menor número de colaboradores. Sabemos, por outro lado, que formamos profissionais muito bons e eles acabam indo para outros centros. É preciso refletir sobre esses dois indicadores”, aponta Farias.

Iniciativa elogiada

O CEO da Globalbot, uma solução de atendimento a clientes com inteligência artificial que combina chatbots (assistentes virtuais) com atendimento humano em diversos canais, Felipe Volpato, elogiou a iniciativa do Fast Dating.

“Foi bem bacana a interação, depois peguei alguns cartões, a experiência foi bem válida. E o legal é que o pessoal do auditório também pôde participar”, destaca Volpato.

“As grandes empresas estão querendo se aproximar das startups e para isso criam desafios, por exemplo. Sou frequentemente convidado para esses desafios, onde as empresas colocam suas ‘dores’ e buscam soluções”, acrescenta.

(Assessoria de Comunicação – Expomais 2019)

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *